Dezembro 21

#Esperar

Somos agredidos diariamente por propagandas que, em mensagens não tão ocultas, nos dizem o que devemos “esperar” da vida – coisas mais, melhores e maiores. E se, no entanto, as mensagens que recebemos nos levassem a esperar não o que poderíamos receber, mas o que poderíamos dar? Quando, convidada por Deus para se tornar a mais famosa mãe adolescente, e não casada da história, Maria não perguntou: “O que eu ganho com isso?” Não. Ela disse: “aqui estou eu, serva do Senhor; que aconteça comigo segundo a tua palavra”. (Lucas 1:38) Maria não pensou no que poderia esperar receber. Ela simplesmente deu sua vida, um sacrifício vivo, ao Deus que a chamou. O que você “espera” nesta época do Advento?

The Rev. Russell Levenson, D.Min., VTS ‘92, St. Martin’s, Houston, Texas

#Esperar

Somos agredidos diariamente por propagandas que, em mensagens não tão ocultas, nos dizem o que devemos “esperar” da vida – coisas mais, melhores e maiores. E se, no entanto, as mensagens que recebemos nos levassem a esperar não o que poderíamos receber, mas o que poderíamos dar? Quando, convidada por Deus para se tornar a mais famosa mãe adolescente, e não casada da história, Maria não perguntou: “O que eu ganho com isso?” Não. Ela disse: “aqui estou eu, serva do Senhor; que aconteça comigo segundo a tua palavra”. (Lucas 1:38) Maria não pensou no que poderia esperar receber. Ela simplesmente deu sua vida, um sacrifício vivo, ao Deus que a chamou. O que você “espera” nesta época do Advento?

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Close Menu

Thank you to all who
participated in AdventWord 2018.

Save the date: December 1, 2019 for AdventWord this year!